Header Ads

Mesmo contribuindo, segurados têm dor de cabeça ao pedir o benefício



Os segurados da Previdência Social precisam, a cada dia, renovar a paciência para esperar a resposta sobre pedidos de benefícios já que a demora do INSS gera reclamações na Grande Fortaleza e no Interior do Ceará. A espera pode superar os três meses, gerando impaciência nos segurados, principalmente, para quem solicita aposentaria e tem pressa em colocar a grana no bolso.

O aumento na demanda de pedidos de aposentadoria, a quantidade reduzida de servidores do INSS e nos contratempos com o sistema de digitalização de processos podem ser os motivos dessa lentidão. Os segurados, que cumprem as regras, não querem, no entanto, saber dos problemas internos no INSS e, com razão, precisam de respostas rápidas.

O INSS, que tem uma máquina administrativa cara, não pode ignorar o sofrimento dos segurados que querem apenas ser tratados com respeito e sem burocracia. 

O assunto foi destaque no Jornal Alerta Geral (Rádio FM 104.3 – Expresso Grande Fortaleza + 27 emissoras no Interior do Estado) 

Tudo do Alerta Geral:

+ Falta de conteúdo entre Bolsonaro e Bebianno chamam atenção: O vazamento de áudios envolvendo o presidente da República, Jair Bolsonaro, e o ex-ministro, Gustavo Bebianno, demitido do cargo após escândalo de candidatas laranjas no PSL, é o assunto da semana. O tema foi destaque no Bate Papo Político desta quarta-feira, entre os jornalista Luzenor de Oliveira e Beto Almeida, que comentaram a falta de conteúdo entre o presidente e o ex-ministro.

+ Ou Bolsonaro “desce e se articula, ou as reformas não passam”: A derrota dessa terça-feira (20), sofrida pelo governo, escancara a desarticulação política entre Bolsonaro e aliados – é um aviso simbólico. O recado que fica é de um vazio no diálogo entre as bancadas. Para o jornalista Beto Almeida, os deputados deixaram, com isso, um recado claro: ou Bolsonaro desce e se articula, ou não tem conversa; se não negociar com os deputados as reformas se tornam mais difíceis.

+ Camilo se reúne nesta 4ª com demais governadores para discutir agenda econômica: O governador Camilo Santana volta a se reunir com os demais chefes dos executivos estaduais, em Brasília, para discutir a agenda econômica do país. Os governadores esperam conversar diretamente com o ministro da Economia, Paulo Guedes. A presença do presidente Jair Bolsonaro não foi confirmada.

+ Ministro estuda fusão de BNDES com BNB: O ministro da Economia, Paulo Guedes, aproveitou a reunião com dois governadores (Paraíba e Rio Grande do Norte), no início da noite dessa terça-feira (19) para dar as primeiras pistas acerca de suas intenções relacionadas ao futuro do Banco do Nordeste. Nas conversas, Guedes levantou a possibilidade da fusão do BNB com o BNDES. Um dos seus argumentos passa pela necessidade de diminuir a quantidade de estatais como forma de melhorar a situação fiscal do País.













Fonte: Ceará Agora

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.