Header Ads

58 municípios do CE estão em alerta para risco de volta da poliomielite, aponta Secretaria de Saúde



58 cidades do Ceará não atingiram a meta de 95% da cobertura vacinal contra a poliomielite, determinada pela Organização Mundial da Saúde e considerada ideal para evitar o risco da volta da doença, de acordo com a Secretaria da Saúde do Estado (Sesa).

A coordenadora de Imunização da Sesa, Ana Vilma, em entrevista a edição desta quarta-feira, 4, do Jornal Alerta Geral (Rádio FM 104.3 – Expresso Grande Fortaleza + 24 emissoras do Interior), disse, porém, que somente uma cidade cearense está na lista dos 312 municípios citados pelo Ministério da Saúde como localidades de risco de surto da doença. Trata-se de Barreira, na região Norte do Estado, que não alcançou 50% da cobertura vacinal contra a poliomielite em 2017.

Ana Vilma destaca que a Sesa tem mantido diálogo com a secretaria municipal de Barreira e com as secretarias das outras 57 cidades do Ceará que não alcançaram a meta de 95% da cobertura vacinal. Ela ressalta que a Secretaria de Saúde do Estado tem dado atenção a todos os 58 municípios que não atingiram o percentual ideal de vacinação contra a poliomielite no ano passado.

A paralisia infantil, como popularmente é conhecida a poliomielite, foi erradicada do Brasil em 1994. O País não registra um caso da doença desde 1990. A coordenadora de Imunização da Sesa tranquilizou a população e lembrou que o Ceará, nos últimos dez anos, atingiu a meta da cobertura vacinal.

Ana Vilma afirmou que a vacinação contra a poliomielite é ofertada diariamente nos postos de saúde, já que faz parte do calendário básico de vacinação brasileiro. A coordenadora de Imunização da Sesa disse ainda que a expectativa é que, com a campanha de vacinação contra a paralisia infantil, que ocorre entre os dias 6 e 31 de agosto deste ano, a meta de cobertura vacinal contra a doença seja atingida em todos os municípios cearenses.














Fonte: Ceará Agora

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.